Slum registra mais de 160 notificações no primeiro trimestre

slum
Para coibir o descarte inadequado de resíduos, a Superintendência de Limpeza Urbana de Maceió (Slum) realiza inspeções diárias em diversos pontos da capital por meio de um trabalho intenso que tem alcançado resultados positivos em relação às apreensões de cargas de lixo que seriam jogadas de forma inadequada. Segundo o balanço da Diretoria de Fiscalização do órgão, as irregularidades resultaram em 168 notificações a infratores, todas registradas no primeiro trimestre de 2016.

Os flagrantes aconteceram entre janeiro e março, com abordagens a estabelecimentos como supermercados, restaurantes, terrenos baldios, restaurantes, açougues e avícolas. Entre o total de notificações, o maior número de irregularidades foi registrado nos supermercados, com 54 flagrantes. Em relação aos meses de fiscalização, fevereiro foi o período que concentrou 90 notificações.

O superintendente David Maia ressalta a importância do trabalho da Slum para coibir o descarte inadequado, reforçando que a população tem papel importante neste processo. “As equipes de fiscalização estão nas ruas durante todo o dia, ação que tem colaborado na redução de irregularidades em relação à disposição do lixo em vias públicas. O maceioense também pode colaborar com este trabalho acionando a Slum pelos meios de comunicação disponíveis ao cidadão”, colocou o gestor.

Para denunciar o descarte inadequado de resíduos, basta entrar em contato pelo Disque Limpeza 3315-2600 ou pelo endereço eletrônico www.maceio.al.gov.br/slum/fale-conosco. Após o registro do caso, uma equipe da Coordenação de Fiscalização da Slum é encaminhada ao local para avaliar a situação e, conforme constatado, emite a notificação de acordo com a irregularidade.