Polícia Civil prende dupla por homicídios

Presos são acusados de cometer assassinatos na região metropolitana da Capital

pilar-1-696x448
Jaciel Teles de Araújo e Petrúcio Rocha de Morais Filho (Foto:Ascom/PC)

Policiais civis do 23º Distrito Policial (23º DP), comandados pelo delegado José Carlos André dos Santos, prenderam, nesta terça-feira (12), dois acusados de homicídios na região metropolitana da Capital.

Durante a ação foram presos no município de Pilar, Petrúcio Rocha de Morais Filho, de 35 anos, conhecido como “Tusso”, e Jaciel Teles de Araújo, 26 anos.

Petrúcio é acusado de executar a vítima identificada como Paulo César Lourenço, na última quinta-feira dia 7. “Testemunhas relataram que ele efetuou disparos de arma de fogo, e a vítima correu em direção à mata, mas foi perseguida e assassinada na frente de seus filhos, e de sua mulher grávida”, explicou o delegado.

O delegado disse ainda que a família da vítima conseguiu fugir e pedir ajuda em uma fazenda, próximo ao local do crime, e por pouco não se registrou ma chacina, motivada por uma discussão de vizinhos. O delegado destacou além da investigação da Polícia Civil, a atuação do Poder Judiciário de Pilar e do Ministério Público que foram essenciais para a prisão do suspeito, apenas cinco dias após o crime.

O segundo preso, Jaciel é acusado de assassinar Luiz Carlos da Silva, o “Carlinhos”, que foi morto com dois disparos de arma de fogo na cabeça. “Ele e outro comparsa que está foragido assassinaram a vítima, e o corpo somente foi encontrado dois dias depois do fato. Jaciel é acusado também de ter participado do crime contra o blogueiro Victor”, disse o delegado.

De acordo com a autoridade policial, quando Jaciel foi interrogado pelo delegado Ronilson Medeiros, coordenador da Deic, ele chegou a confessar o homicídio de “Carlinhos” , descrevendo cada detalhe da conduta criminosa.

Petrucio e Jaciel foram presos em cumprimento a mandados de prisão expedidos, após investigações realizadas pela equipe do 23ºDP, pela Justiça alagoana.

“Os dois últimos homicídios ocorridos na cidade tiveram os autores presos, com apoio da Delegacia Geral e da cúpula da segurança pública. O trabalho continuará a fim de que a cidade volte a ter paz”, concluiu o delegado.

 Ana Karina – PC/AL