Microsoft confirma fechamento de revendedoras autorizadas no Brasil

Microsoft confirma o fechamento programado de determinadas lojas físicas da marca Microsoft Store – Revendedor Autorizado, no Brasil

04

 

Se os fãs brasileiros do Windows Phone já sofriam com a baixa quantidade de locais de compra, aparelhos disponíveis e até assistência técnica especializada da Microsoft, a situação acaba de piorar. A fabricante confirmou que as lojas físicas da principal revendedora autorizada da empresa no Brasil terão as portas fechadas por encerramento de contrato.

Um comunicado obtido pelo site Windows Steam cita como razões “aspectos comerciais” e uma decisão estratégica da Microsoft de não gastar mais tanto com seus produtos mobile por aqui. Aparentemente, os Lumia não seriam “mais produtivos no Brasil”.

Ao todo, são 27 pontos de venda no país. São lojas e quiosques em São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Amazonas e outros estados. Não há uma previsão detalhada para o fechamento, mas tudo isso deve acontecer em um futuro bem próximo.

Comunicado oficial da Microsoft

“A Microsoft, em conjunto com seus franqueados, em uma decisão estratégica para o canal, confirma o fechamento programado de determinadas lojas físicas da marca Microsoft Store – Revendedor Autorizado, no Brasil. A empresa esclarece, no entanto, que o serviço da loja online da marca segue operando normalmente e atendendo a todo o território nacional.”

E agora?

Bom, há ao menos uma boa notícia: as vendas online dos modelos Lumia não vão parar em grandes sites de comércio eletrônico. Isso significa que ainda será possível encontrar os principais dispositivos da família de tablets e smartphones no Brasil.
Porém, espere um catálogo cada vez menor e mais caro, já que sem a revendedora mais importante envolvida pode ser que o preço suba pro conta de importações diretas. Se você esperava os Lumia 950 e 950 XL por preços atrativos e sendo vendido de forma bastante acessível, portanto, é melhor abaixar as expectativas.

Tecmundo