Escolas de samba voltam a desfilar no carnaval de Maceió

Desfile será no sábado (25); ele foi suspenso em 2016 por falta de recurso. Neste ano, escolas levam menos componentes e não haverá competição.

Maceió terá o desfile das escolas de samba de volta no carnaval deste ano. A informação foi passada neste domingo (19) pela prefeitura municipal, que divulgou o calendário das festas carnavalescas nos bairros da capital.

A Liga das Escolas de Samba confirmou a retomada do desfile e disse que seis escolas se apresentam na noite de sábado (25). O desfile começa de 20h, na orla da Pajuçara, próximo ao Sete Coqueiros.

No ano passado, por causa da crise financeira, o município informou que precisou reorganizar o orçamento e não disponibilizou recurso para as escolas. Por isso, elas só se apresentaram se forma simbólica nos bairros.

Neste ano, o desfile será de forma simbólica, sem competição. O diretor de Politicas Culturais da Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC), Marcos Sampaio, Explicou que por causa da falta de prazo devido à mudança de gestão e a reforma administrativa foi disponibilizado para cada escola R$ 8 mil.

O diretor também falou que as escolas levarão uma quantidade mínima de cerca de 90 componentes para a avenida. “Elas farão uma prévia do que vai acontecer no próximo ano, quando o desfile será de forma competitiva”, informou Sampaio.

Além do desfile, a capital alagoana contará com oito polos distribuídos nos bairros do Pontal da Barra, Ponta Grossa, Jacintinho, Benedito Bentes, Fernão Velho, Bebedouro, Ipioca e orla da Pajuçara.

“A realização do carnaval em núcleos espalhados em diversos bairros e protagonizados pela própria comunidade reafirma a proposta de descentralização das festas adotada pela Prefeitura de Maceió. A ideia é fomentar e valorizar o Carnaval nos bairros levando oportunidades de acesso à cultura e à diversão para mais perto das pessoas”, disse o presidente da FMAC, Vinícius Palmeira.

O polo da Pajuçara funciona no sábado (25), com o desfile das escolas de samba, no domingo (26), com a passagem de alguns blocos carnavalescos e na segunda-feira (27), com o desfile de um bloco afro, junto com o encontro dos grupos de Boi.

“Outro destaque será a retomada do polo do Bebedouro, que depois de muitos anos, praticamente, sem carnaval, funcionará na segunda e terça, próximo a Praça Lucena Maranhão, que já foi um dos quartéis generais do frevo em Maceió. A festa também será realizada em dois bairros tradicionais da cidade que representam a história do carnaval na capital. Um é o polo da Praça Moleque Namorador, na Ponta Grossa”, destacou Sampaio.

g1

19/02/2017