Ederson desencanta, e Flamengo vence o Inter: 1 a 0 em Cariacica

Com casa cheia e apagão no Kleber de Andrade, Rubro-Negro é melhor embora pressão final do Colorado. Resultado deixa cariocas temporariamente no G-4

ederson

  • EFICIÊNCIAEstádio lotado, apagão por quase seis minutos, um gol, inúmeras chances… Não faltaram ingredientes para um bom jogo entre Flamengo e Internacional, nesta quarta-feira, em Cariacica, no Espírito Santo. Melhor ao Rubro-Negro, vitorioso por 1 a 0, gol de Ederson, o primeiro dele na temporada. De quebra, a equipe de Zé Ricardo voltou ao G-4, após a derrota ao Fluminense, enquanto a de Argel vive o momento mais irregular do ano. Com duas derrotas consecutivas, não vence há quatro jogos: caiu para o terceiro lugar, sendo ultrapassada justamente pelo Grêmio, o rival no domingo.

    DESTAQUE CLASSIFICAÇÃO E PRÓXIMOS JOGOSO Flamengo se recuperou do tropeço no Fla-Flu. Empatou em pontos com o Inter, 20. É o quarto. O Colorado, o terceiro. Tudo pode mudar no transcorrer desta rodada 12ª rodada, afinal, Corinthians e Atlético-PR podem ultrapassá-los. Os dois times têm clássicos na próxima rodada, no domingo. Enquanto o Inter recebe, no Beira-Rio, às 11h (de Brasília), o Grêmio, o Flamengo vai a São Paulo. Desafia o Corinthians, às 16h (de Brasília), na Arena.

    DESTAQUE PRIMEIRO TEMPO

    De que adianta ter mais posse de bola e maior volume de jogo e não concluir? O primeiro tempo mostrou que não há muita vantagem. O Inter manteve o controle por 56%, mas finalizou apenas duas vezes ao gol de Muralha. Sem perigo, diga-se de passagem. O Fla começou o jogo em ritmo rápido, pressionando. Só parou por causa da falta de energia elétrica, logo reestabelecida. Confundiu a marcação adversária. Reclamou de um pênalti de William – a bola bateu no braço direito dele. Aos 18 minutos, abriu o placar: Arão cruzou, Guerrero ganhou de Leandro Almeida e Ederson completou de cabeça. Foi o primeiro gol dele na temporada. Houve insistência na tentativa do segundo gol, com 10 finalizações. Mas faltou pontaria.

    DESTAQUE SEGUNDO TEMPOO Inter melhorou no segundo tempo, com Mike entrou no lugar de Anderson. Foi uma leve evolução. O time ameaçou um pouco mais. Após cruzamento, Muralha saiu em falso e Vitinho completou para fora. A busca pelo empate deixou o Colorado mais vulnerável atrás. Em rebote de escanteio, Arão chutou colocado, Muriel fez boa defesa. Guerrero e Cirino aproveitaram desatenções defensivas e só não marcaram graças a Muriel. A verdade é que faltou força ao Inter. O estreante Seijas foi discreto. Nem as entradas de Alex e Valdívia fizeram o poder de fogo aumentar.

    DESTAQUE TORCIDA NO BARRANCO

    O Kleber de Andrade recebeu ótimo público. De acordo com o divulgado pela administração do estádio, os pagantes foram 21 mil. A renda foi de R$ 1.089.180,00. Teve gente até em um barranco no estádio.

    DESTAQUE EDERSON

    Com o desta quarta-feira, Ederson completou 20 jogos na temporada. Marcou apenas o primeiro gol. Estava bem colocado, foi oportuno ao aproveitar bola escorada por Guerrero. Atuou bem. Mas cansou. Saiu aos 11 do segundo tempo.

    globoesporte.globo.com