Caminhão atropela e mata dezenas de pessoas na festa da Queda da Bastilha na França

Prefeitura qualifica acidente como atentado

20160714194048706070a

Pelo menos 60 pessoas teriam morrido depois que um caminhão atingiu uma multidão que assistia à queima de fogos em comemoração ao 14 de Julho, Dia da Bastilha, em Nice, sul da França. Nas redes sociais, as primeiras informações dão conta de que dezenas de pessoas estão feridas.

Vários internautas publicaram vídeos mostrando a correria das pessoas no momento do acidente. Por enquanto permaneçam em suas residências”, escreveu em sua conta no Twitter o prefeito da cidade, Christian Estrosi.

O presidente francês, François Hollande, que estava em Avignon (sudeste), voltou a Paris para chefiar a célula de crise montada no ministério do Interior na madrugada de quinta para sexta-feira (hora local), indicou a presidência francesa à AFP. “O presidente está reunido com (o primeiro-ministro) Manuel Valls e (o ministro do Interior) Bernard Cazeneuve. Ele voltou a Paris e se dirigirá diretamente à célula de crise”, montada no ministério do Interior, acrescentou a fonte.

No local foi montado um amplo perímetro de segurança, constatou um jornalista da AFP. A prefeitura do departamento dos Alpes Marítimos se referiu ao ato como um atentado e pediu à população que evite sair de casa.

O incidente foi registrado no Promenade des Anglais, por volta das 22h30 (17h30 em Brasília). Segundo as autoridades, o homem que dirigia o caminhão teria sido morto por autoridades locais.

Dia da Bastilha

Era para ser um dia de festividades. No dia em que se comemorava o Dia da Bastilha, a parada militar foi dedicada às forças francesas distribuídas pelo mundo e aos militares enviados para países estrangeiros, como o Afeganistão. Mas Sarkozy, que fez uma visita surpresa às tropas francesas no Afeganistão, na terça-feira, disse querer que o Dia da Bastilha fosse “dedicado a todos os soldados mortos em operação”.

O Dia da Bastilha lembra os eventos de 14 de julho de 1789, quando uma multidão enfurecida invadiu a prisão da Bastilha em Paris, fato que ajudou a dar início à Revolução Francesa.

uai.com.br

14/07/16