Ana Paula relembra polêmica com Laércio e diz: Não o acho feio

making-of-ana-paula-retgtrfghg
Ana Paula posa para o Paparazzo (Foto: Mariana Gibara / Paparazzo)

Uma das muitas polêmicas em que Ana Paula Renault se envolveu no “BBB 16” foi com Laércio. A mineira chamou o ex-brother de pedófilo após ele dizer no confinamento que gostava de se relacionar com meninas mais jovens e se revoltou ao vê-lo dormindo de cueca na frente das mulheres da casa.

Laércio já disse que pretende levar a acusação feita por Ana Paula para a Justiça, e ela garante estar tranquila quanto a isso. “Se ele acha que cabe processo, vamos lá! Estou esperando. aqui pra isso mesmo”, afirmou ela nos bastidores do ensaio para o Paparazzo.

Questionada se está arrependida do que disse, Ana Paula demonstra que sim. Mas justifica seu ato. “Falei aquilo de forma mal posicionada e muito incisiva. Acho que não poderia ter qualificado de nada, mas, se falei, foi porque estava sob um estresse grande e muito brava”, explicou.

“O Laércio tinha feito uma série de coisas que me fez tomar uma antipatia federal dele. Na hora que explodi e o vi deitado, com cueca branca e perna aberta, perdi a paciência, foi a gota d´água. Realmente me coloquei mal, mas é isso mesmo”.

Entre o público, muitos a acusaram de hipócrita, uma vez que Ana Paula não se revoltou com o striptease de Mateus nem com Renan andando o dia todo de sunga. “Isso está completamente deturpado, uma coisa não tem ligação com a outra. O Laércio pode ser mais velho, sim, mas não o considero feio. Ele tem um estilo próprio e, inclusive, elogiei isso diversas vezes. Gosto de gente que imprime a personalidade inclusive no estilo”, comentou.

“O striptease que os outros fizeram, Laércio também podia ter feito. Mas a questão é que ele imprimia uma coisa muito sexual nas insinuações, gestos, olhares. Não gostava e ficou provado que as outras mulheres da casa também não. Esse cunho sexual eu não via no Renan e nas brincadeiras do Mateus, dava para ver que era zoação. No Laércio, o clima era outro, não era legal”.

EGO