Suspeito de ameaçar Simone e Simaria nas redes sociais é preso

Um homem suspeito de fazer ameaças a Simone e Simaria nas redes sociais foi preso em Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul. De acordo com o escritório que representa as artistas, atitudes foram tomadas após “graves ataques sofridos pelas artistas em suas respectivas redes sociais” e para preservar a “integridade física das cantoras e seus familiares, levou a questão ao conhecimento das autoridades públicas para os devidos fins e providências”.

O homem foi preso preventivamente na última segunda-feira, dia 11. O processo corre em segredo de justiça. Em informações divulgadas pelo G1, o suspeito, há dois anos, começou a ameaçar a dupla nas redes sociais.

“Ele diz que a família delas seria responsável por ele quase ter morrido, em Campo Grande, em 1996, mas não explica o motivo. Diz que sofreu um atentado a tiros e foi preso no interior do Mato Grosso do Sul, saiu de lá e voltou ao Rio Grande do Sul. Como disse que conhecia elas, resolveu agora ameaçar pedindo que o ajudassem”, conta o delegado Alexandre Ferreira Quintão, da 3ª Delegacia de Polícia de Novo Hamburgo.

Nenhuma informação, porém, foi confirmada pela polícia.

“Que o respeito, a alegria e o carinho, marca da dupla Simone e Simaria, para com seu público, fãs e admiradores de seu trabalho se sobreponham, fazendo deste fato rapidamente esquecível”, diz a nota enviada a imprensa.

14/11/2019