”Sou imbrochável”, diz Bolsonaro em transmissão ao vivo

O presidente Jair Bolsonaro transmitiu uma live pelo Facebook na noite desta sexta-feira (6/9) mostrando a recepção de cerca de 40 apoiadores que o esperavam ao som de “mito, mito” na chegada ao Palácio da Alvorada.

Um ano após ser vítima de uma facada durante campanha eleitoral, os presentes cantaram “Parabéns” para o chefe do executivo.

Bolsonaro comentou que o filho Eduardo estava na Santa Casa de Juiz de Fora (MG), representando-o. “Meu filho Eduardo está na Santa Casa de Juiz de Fora. Está tendo uma festinha lá. Estou muito feliz”.

Em um outro momento, ele afirma que Deus ajudou a mudar o destino do Brasil e voltou a falar de Adélio, que o vitimou. “Se fosse o ‘amigo’ do presidiário presidente [Lula] acredito que o Brasil estaria em uma posição bastante difícil e sem esperança. Deus interferiu para que o Brasil mudasse de posição. Reconheço as minhas limitações, as minhas fragilidades, a minha incompetência em alguns momentos, mas vamos continuar empenhando para fazer o melhor”, discursou, segundo o MSN.

O presidente ainda confidenciou aos apoiadores que seguiria para jantar com Sílvio Santos e o bispo Edir Macedo, presenças confirmadas na comemoração de 7 de setembro.

Em um outro momento do vídeo de 18 minutos, uma das eleitoras grita, pedindo para que Bolsonaro “Não desista e insista”, ao que ele respondeu: “Eu sou imbrochável”. O presidente, então, foi novamente ovacionado.

Em seguida, cumprimentou os presentes pela grade, dentre eles, crianças. Tirou fotos e ainda recebeu oração de um pastor presente entre os eleitores.

07/09/2019