Polícia Civil facilita vida do alagoano com descentralização de registros de BOs

A Delegacia Geral da Polícia Civil vem implantando um vigoroso processo de descentralização dos registros de Boletins de Ocorrência (BOs), em Alagoas.

O delegado-geral Paulo Cerqueira explica que os registros podem ser feitos em todas as delegacias, tanto da Capital como do interior. Mas, para facilitar a vida dos alagoanos, a instituição pôs em prática o processo de instalação de postos avançados, em diversos locais.

Um deles é um posto avançado instalado no JÁ do Shopping Pátio, no bairro do Benedito Bentes, em Maceió, e que funciona das 8h às 17h, de segunda à sexta-feira.

Nos JÁs do Maceió Shopping e do Parque Shopping, localizados, respectivamente, nos bairros de Mangabeiras e Cruz das Almas, funcionam mais dois postos de confecção de Boletins de Ocorrência, das 8h às 17h.

A PC também oferece um posto para registro de BOs no aeroporto internacional Zumbi dos Palmares, em Maceió, que atende os casos ocorridos naquela área, funcionando durante 24 horas, todos os dias.

A Operação Policial Litorânea Integrada (Oplit), em sua base, na praia de Jatiúca, é outra alternativa oferecida aos maceioenses e turistas, durante 24 horas, para a confecção dos registros de ocorrências policiais, especialmente aqueles que frequentam a região das praias.

Mais recentemente, passou a funcionar outro posto avançado no JÁ instalado na Rua Barão de Penedo, no Centro de Maceió. O posto atende das 8h às 17h.

A Polícia Civil está também atendendo à sociedade arapiraquense e região para registros de Boletins de Ocorrência (BOs), no JÁ Arapiraca, que funciona no Arapiraca Garden Shopping. O atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 14h.

Ainda é disponibilizada a opção do registro por meio da Delegacia Interativa, onde o cidadão, de qualquer local e durante 24 horas, pode fazer o registro do seu BO pela internet.

Nesse caso, a confecção se destina os casos de furto, perda ou extravio e roubo de celular, todos os crimes de roubo a transeuntes (não somente de celular), roubo a residências, dano, injúria, difamação, calúnia, acidente de trânsito (sem vítima), violação de domicílio, maus-tratos contra animais e encontro de pessoas.

O delegado-geral Paulo Cerqueira informou que continua trabalhando para instalar outros locais para confecção de Boletins de Ocorrência, objetivando cada vez mais descentralizar os serviços, facilitando o acesso da população no intuito de registrar as ocorrências policiais, proporcionando um atendimento mais rápido ao cidadão, conforme determinação do secretário de Segurança Pública, Lima Júnior, e do governador Renan Filho.

PC AL 02/10/2019