Obras do Canal do Sertão são retomadas pelo Estado

As obras do trecho IV do Canal do Sertão foram retomadas após o anúncio feito pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, na última terça-feira (12), sobre a liberação de R$ 18,9 milhões em recursos. Paralisadas devido à descontinuidade do repasse por meio do governo federal, a maior obra de infraestrutura hídrica de Alagoas agora tem a garantia de continuar avançando no Sertão.

O orçamento do MDR para a obra do trecho IV do Canal do Sertão foi de R$ 124 milhões para 2019. E ao todo, este ano, foram transferidos para a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra) R$ 65 milhões para o pagamento da sua execução. O trecho vai até o km 123,4 do Canal, cujas obras já estão contratadas, e está com 80,46% de avanço físico. Hoje, o Canal do Sertão conta com água até o km 112.

Para o secretário de Infraestrutura, Maurício Quintella, é de suma importância o recebimento dos recursos: “A necessidade de água para o povo sertanejo é imediata. Nossa prioridade é contribuir com o desenvolvimento econômico e social da região. Para isso, temos trabalhado constantemente para manter a regularidade na liberação de recursos e assim conseguir concluir o trecho IV nos próximos 12 meses”.

A obra

Considerada a maior obra de infraestrutura hídrica de Alagoas e uma das maiores do país, o Canal do Sertão contará, até sua conclusão, com 250 km de água e tem como objetivo beneficiar 1 milhão de pessoas em 42 municípios alagoanos. Atualmente, a obra já beneficia 200 mil moradores, entre Delmiro Gouveia e São José da Tapera.

Ascom – 14/11/2019